Quinta-Feira, 24 de Abril 2014

Tempo Agora

Regional

todas as notícias
03/04/2011
De acordo com a Prefeitura, o dinheiro arrecadado com o IPTU é usado, principalmente, em obras de infraestrutura da cidade, como o asfaltamento. A ponte do bairro Amazonas, construída em abril do ano passado, teria sido fruto dos recursos do imposto. (Foto: Ascom/Prefeitura Montes Claros

De acordo com a Prefeitura, o dinheiro arrecadado com o IPTU é usado, principalmente, em obras de infraestrutura da cidade, como o asfaltamento. A ponte do bairro Amazonas, construída em abril do ano passado, teria sido fruto dos recursos do imposto. (Foto: Ascom/Prefeitura Montes Claros

IMPOSTO

Guias do IPTU começam a ser entregues em Montes Claros

Os carnês de pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano estão sendo enviados pelos Correios. Já os donos de lotes e terrenos precisam buscar a guia na sede da Prefeitura. Em residências, a alíquota é de 0,5% do valor do imóvel; comércio e indústria, 1%. No caso dos lotes e terrenos, a alíquota varia de 1,4% a 3%.




Segundo o diretor de receitas da Secretaria Municipal de Fazenda, Sebastião Prates, proprietários de imóveis prediais (residências, comércios e indústrias) receberão em seus endereços. Já proprietários de lotes e terrenos precisam retirar suas guias diretamente na Prefeitura, à Avenida Cula Mangabeira, 211, Centro. Foi montado plantão no saguão, das 8 às 18 horas, para agilizar a entrega. Aqueles que pagarem até dia 14 de abril terão 20% de desconto. A prefeitura também está parcelando em 8 vezes. Há desconto de 10% para quem ainda estiver em débito.


Cálculo


A forma como o imóvel se encontra, se ele é usado para comércio ou moradia, área que ocupa, valor comercial e a infraestrutura do bairro são levados em consideração na hora de calcular o imposto, como forma de incentivo fiscal. Quanto mais caro o imóvel, mais valorizada a região em que se encontra, maior o imposto devido; inversamente, quando menor o valor do bem e mais baixa a valorização da área onde se localiza, menor o valor do IPTU. Em residências, a alíquota é de 0,5% do valor do imóvel; comércio e indústria, 1%. No caso dos lotes e terrenos, a alíquota varia de 1,4% a 3%.


Quem não precisa pagar


Três situações isentam as pessoas do pagamento do IPTU: possuir um único imóvel residencial, em lote de no máximo 360m² e área construída de 60m2, cujo valor não ultrapasse R$ 25 mil; proprietário idoso que possua um único imóvel para moradia (valor máximo de R$ 32 mil) e renda familiar até dois salários mínimos; e portador de doença considerada grave, como câncer e aids. Para ter acesso ao benefício, basta fazer o requerimento na Secretaria de Fazenda. É preciso repetir o pedido a cada ano, para atualização de cadastro.

Ascom/Prefeitura de Montes Claros

Saiba mais

Enquete

Quais são as chances de Aécio Neves ser eleito presidente ano que vem?

Grandes
Médias
Mínimas
Nenhuma
resultado parcial

Newsletter

Cadastre-se aqui e receba nossos informativos por email!


© Copyright Tempo Online. Todos os direitos reservados. É permitido a reprodução do conteúdo do site, desde que citada a fonte da mesma.

Desenvolvido pela 4WAY Web Solutions